Resposta à reportagem do Jornal Cruzeiro do Sul de 07.05.2011

Em relação à reportagem “Relatório do Fórum desagrada funcionários”, publicada em 07 de maio de 2011, o Fórum da Luta Antimanicomial de Sorocaba (FLAMAS) vem a público declarar que em nenhum momento, seja no relatório do “Levantamento de Indicadores sobre os Hospitais Psiquiátricos de Sorocaba e região”, seja em entrevistas concedidas à imprensa, os funcionários destes hospitais foram culpabilizados pelas situações indicativas de negligência neles ocorridas. É consenso entre os integrantes do FLAMAS que estes funcionários são vítimas de um modelo de funcionamento arcaico e de um gerenciamento inadequado destas unidades. Sendo assim, por mais que estes funcionários se esforcem e se dediquem em suas funções, o que é reconhecido pelo FLAMAS, infelizmente o baixo número de funcionários e a falta de projeto terapêutico para os internos acabam por inviabilizar o cuidado adequado, possibilitando inclusive o adoecimento destes próprios funcionários.

Fórum da Luta Antimanicomial de Sorocaba – FLAMAS

Uma resposta

  1. Sem duvida alguma, nos militantes do MNLA, jamais, jamais mesmo desconsideramos ou criticamos quem trabalha em H.P. A nossa critica é a instituição, é o modelo, este sim completamente obsoleto e ultrpassado. Achamos que todos nós devemos trabalhar, só lamentamos que muitas vezes por falta de conhecimento muitos são envolvidos e manipulados. Achamos até que os manicomios, possam continuar existinto, contanto que não fique niguem la dentro.
    Geraldo Peixoto – São Vicente

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: